Sobre Mim

IMG_20181218_171251

Sempre fui fascinada pela espiritualidade.

Tive a sorte de nascer numa família que incluía médiuns dos dois lados – materno e paterno. Quando era criança, um dos meus maiores prazeres era sentar perto de alguém para ouvir “causos” sobre fenômenos inexplicáveis. Alguns deles aconteciam comigo com certa frequência, sem que eu pensasse muito a respeito.

Estudei todo o Ensino Fundamental na extinta Escola Marista São José, pois minha criação foi Católica desde o nascimento. Naquela época, contudo, a novela espírita A Viagem fez um grande sucesso e isso despertou ainda mais minha curiosidade sobre o “outro mundo”.

Como alguns familiares conheciam o Espiritismo, também tive oportunidade de ter contato com livros espíritas. Mas apenas no final do Ensino Médio que pude visitar um centro espírita.

Foi o início da minha vivência na Organização Espiritualista Rosas Brancas, uma casinha simples com grande parte de médiuns idosas e eu de adolescente. Eu não tenho como descrever em palavras como isso foi especial e enriquecedor na minha Vida. Foi nesse período que comecei a desenvolver minha mediunidade.

Mais tarde, fui estudar o bacharelado em Naturologia Aplicada pela Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul). Na época consegui com minha classificação de entrada uma bolsa de estudos que me durou toda a graduação. Esta formação me propiciou uma base na área da saúde e uma Visão Integral do ser humano. Através dela eu comecei a entender que a saúde se reflete em tudo que se relaciona a nós, e que tudo que se relaciona a nós se reflete em nossa saúde. Fiz amigos queridos entre colegas e professores, adquiri muitos conhecimentos, e pra minha surpresa na formatura recebi também o Certificado de Melhor Desempenho Acadêmico da turma.

Foi a vez de ingressar na especialização em Arteterapia no Contexto Social e Institucional pelo Instituto da Família de Porto Alegre (Infapa), onde dei continuidade aos estudos sobre uso da Arte no contexto terapêutico que haviam começado na Universidade.

Os conteúdos incluíam sempre a teoria e práticas vivenciais. E em meio ao nosso grupo, que também era muito especial, me senti confortável para não só aprender, como também para mergulhar em mim mesma. Percebi aí que eu me identificava como uma mulher transgênero. Entender isso me trouxe paz e me ajudou a olhar para meu passado com outros olhos. Me tornei uma pessoa mais feliz, realizada e empoderada.

Além da minha experiência acadêmica, sempre me interessei pela escrita. Desde a adolescência mantive blogs falando sobre espiritualidade, e também tive um livro publicado pela Editora Escândalo: Cidade do Anjo (2012), e uma participação com um conto na antologia Luz e Escuridão (Editora Buriti, 2014). Em 2017 publiquei online o livro espiritualista A Minha Verdadeira Vida (2017).

Cada pequeno passo que dei estava me preparando para chegar onde estou hoje.
A Vida proporciona isso a todos nós.

Quando comecei a atender em consultório. Eu jamais imaginei um dia trabalhar profissionalmente com a espiritualidade. Naquele tempo pensei que meu caminho seria dividido entre os atendimentos em Naturologia, Arteterapia e a Escrita. Cheguei a fazer trabalhos em grupos e palestras – eu sempre amei me comunicar!

Porém, para minha surpresa, percebi ao longo dos anos que durante o trabalho sem querer eu sentia coisas enquanto atendia. Elas me diziam pra explorar um ou outro tema, intuíam onde estava a verdadeira raiz dos problemas, e sugeriam agregar o espiritual. Decidi experimentar. Esses foram os atendimentos que começaram a dar mais resultados, e que os meus clientes mais gostavam. A partir daí as coisas naturalmente caminharam para atuar como Sensitiva.

Tive contato com outras religiões e respeito profundamente todas elas! Na minha visão as religiões são experiências diferentes para se chegar ao mesmo fim: o espiritual. Por esse motivo procuro sempre me comunicar de forma abrangente e inclusiva, e me identifico hoje como espiritualista independente.  Fico feliz de trabalhar com pessoas das mais variadas crenças!

É claro que há muito mais sobre mim do que apenas isso. Eu amo a Arte (em todas as formas), os animais, e aprender. Me sinto à vontade junto da natureza, principalmente em contato com a água. Também confesso com orgulho que sou uma verdadeira geek. Estou sempre tentando melhorar a mim mesma e ao meu trabalho.

Esse é um pouco da minha jornada que com carinho compartilho com você!